Sustentabilidade é só pra quem tem dinheiro?

E aí gente, tudo bem?

Vocês já tentaram ter uma vida mais sustentável e ecologicamente responsável? Confesso que eu já tentei e já desisti na hora em que olhava preço de produtos orgânicos. Mas aí eu fui entendendo que não era só comprar orgânicos que me fariam ser mais sustentável, mas consumir menos e de forma mais responsável, comprar localmente, gastar menos água e reaproveitar o meu lixo: confesso que esse último ponto ainda é meu grande desafio.


Ou seja, a sustentabilidade é algo muito mais profundo do que parece em um primeiro olhar: envolve não só o meio ambiente, mas também a economia e a sociedade. Além disso, é algo positivo pra todo mundo envolvido e pras próximas gerações.

No episódio do Semanada de hoje a gente quebra esse mito de que sustentabilidade é coisa de quem tem dinheiro e de quebra ainda damos algumas dicas de como você pode ser mais sustentável, mesmo vivendo uma vida urbana.

Conta pra mim o que você tem feito no seu dia a dia para ser mais sustentável? Vamos nos ajudar trocando figurinhas!

23 Likes

Há uns dias, conversa com o @caddahmaster sobre o minimalismo! Acredito que esse tema envolve uma certa noção de consciência com o que consumimos. Não é só sobre ter poucas posses e viver de forma harmônica com elas, mas é também se preocupar com o “como” e “o quanto” consumimos e se é realmente “saudável”! Outra coisa curiosa que debatia esses dias com uma colega era sobre o lixo que produzimos - e seu problema! Temos a leviana crença de que quando descartamos o lixo, ele milagrosamente desaparece e a nossa casa fica “limpa”! O erro de se pensar assim é que não lembramos que quando limpamos nossa casa, “sujamos” nossa casa comum, o planeta terra! @Joyce_Afonso1, eu adorei o tema do semanada de hoje!

9 Likes

Exatamente isso, @Elves! Tomar consciência sobre a nossa forma de consumir é muito importante e só traz bem: pras nossas finanças e para o planeta também. E pensar sobre o lixo e entender essa cadeia é fundamental. Depois ouve o episódio e me fala o que achou da abordagem também?

8 Likes