Transformar limite de empréstimo em crédito

Uma ideia interessante seria transformar o limite de empréstimo em limite de crédito para o cartão.

4 Curtidas

Tipo um limite único e a pessoa decide como usar?

2 Curtidas

Alguns bancos trabalham com um limite único, que pode ser transferido entre cartão, conta e empréstimo. É uma das formas de trabalhar, tem gente que gosta e gente que não.

Talvez seria interessante poder ter essa flexibilidade no Nubank. :wink:

14 Curtidas

Realmente seria interessante!
Mas, acredito que eles ganhem mais no empréstimo do que no crédito!

Acho que a @Vittoria_Cunha ou a @lorenatelles já haviam comentado sobre isso em algum post… não sei se estou enganado!

Logo, a ideia seria vantajosa para o cliente (demais!) mas pouco lucrativa para a financeira!

8 Curtidas

Seria para os clientes que estão em dia. Com um bom tempo sem aumento de limite. E que tem a opção de empréstimo ativa e não tem interesse no empréstimo e sim em mais crédito.

2 Curtidas

Entendi perfeitamente @Helton_Carvalho!
Eu, particularmente, acho top das galáxias!

Mas acredito na desvantagem pra financeira. Por isso, não vejo como sendo algo que poderão implantar a curto prazo!

óh… mas a ideia é boa heim! :wink: :v:

5 Curtidas

No BB é assim. Bem que o Nubank poderia copiar a ideia.

3 Curtidas

No curto prazo, duvido muito que a Nu financeira S.A.(Parte do Nubank que administra o empréstimo pessoal), faça essa mistureba com a Nu Pagamentos S.A. (Parte do Nubank que administra o cartão de crédito e a Nuconta). São empresas distintas, apesar das duas fazerem parte do mesmo conglomerado.
Sem contar que para o Nubank, no momento talvez seja muito mais negócio, manter as coisas separadas e continuar lucrando com os juros do empréstimo. Também tem a questão das regulamentações bancárias, será que o Nubank não sendo banco poderia, conceder esse tipo de produto?
Enfim, não sei, isso são só eu e minhas elucubrações, mas vamos aguardar as cenas dos próximos capítulos…

8 Curtidas

Isso pra mim é novidade.
Só vi algo parecido no BB, onde você pode transferir o limite do CDC para o cartão. Mas esse limite entra como limite pra compra parcelada.

2 Curtidas

Não acho tão válido na real, até porque nem todos tem empréstimo disponível/liberado.

1 Curtida

No C6 funciona dessa forma, acho interessante.

2 Curtidas

Estou me baseando no BB mesmo.

Falei “alguns bancos” pois algum outro deve trabalhar dessa forma também, não só o BB.

Aqui na minha conta eu habilitei o “aumento automático do limite” e percebo o limite do cartão aumentando conforme o uso.

Mas o que aumenta é o limite para compra, que serve tanto para compras a vista como parceladas. O limite de crediário (nunca usei essa função) sempre foi zero aqui pra mim.

O BB não diferencia mais os limites para compras a vista ou parceladas. E a propósito, eu odiava essa divisão! :sweat_smile:

image

3 Curtidas

Sim, são poucos os que trabalham assim, mas existem. O banco digital Next, por exemplo, trabalha com limite compartilhado. Ah e o limite do Next não é pra compra parcelada não, o limite funciona normalmente mesmo.

Porém esses limites compartilhados ficam baseados na análise de crédito do cartão.
Portanto, os bancos que utilizam essa metodologia, tendem a dar menos limite para o cliente.

Isso tudo se baseia em uma lei simples das finanças, o risco e o retorno.
As empresas estão dispostas a correr um risco maior (Oferecer valores maiores) em empréstimos, pelo seu retorno muito superior ao dos cartões de crédito.

2 Curtidas

Diferencia sim, só não deixa claro, como sempre.
O disponível para compra é na verdade o parcelado.
O limite à vista é o mostrado em azul, no app Ourocard.
No registrato você também consegue ver qual o limite real.

Aqui no meu app Ourocard só aparece o mesmo limite para compras a vista e saque que postei acima, que peguei no Internet Banking.

Mas o meu app tem um layout meio diferente desse que você postou. A versão para iOS deve variar um pouco.

O relatório do Registrato que mostra os limites é o SCR? Pois se for, creio que eu não consegui identificar certinho o meu limite real.

1 Curtida

Sim, na última data da lista de instituições.

1 Curtida

Consegui achar aqui, obrigado!

Eu estava visualizando o relatório online e lá não mostra tudo. Quando baixei o mesmo consegui ver as informações. Inclusive o relatório baixado é bem mais completo.

Realmente o limite apresentado no Registrato é menor do que o limite disponível para compras que aparece pra mim no Internet Banking e no app Ourocard. Esse deve ser o meu limite real mesmo.

O excedente deve ser proveniente da transferência automática do limite global.

1 Curtida

Exato. Há um ano mais ou menos o BB fez essa mudança. Só esqueceu de atualizar a interface do app, pois lá ainda existe a separação dos limites para compras à vista x parcelada (apesar de que é apresentado o mesmo valor, pois de fato não há mais essa distinção). Refiro-me ao app BB, nunca usei o app Ourocard.

Realmente não deixa claro, mas não diferencia mais não. Eu, por exemplo, tenho o limite que aparece no app (o maior e que está disponível para uso), o limite que consta na fatura (protocolar, o menor), e o limite do SCR que você apontou. Já questionei no atendimento sobre essas diferenças. Não souberam explicar adequadamente, contudo o limite que realmente importa é o do app/IB, que é o que de fato se pode usar…

Como eu disse agora há pouco, tenho uma teoria diferente sobre esse ponto em específico. O limite real é o do app, é o que está liberado para o cliente usar. Vale lembrar ainda que as informações do SCR não são apresentadas em tempo real. Outro ponto é que notei, coincidência ou não, que meu limite do SCR é o valor total que já tive como saldo devedor do cartão junto ao BB. Atualmente o limite no app está maior, porém como meu saldo devedor hoje está muito menor, o valor do SCR continua o mesmo. Acredito que só vá mudar caso eu ultrapasse o saldo devedor anterior, ou quando o BB decidir fazer isso manualmente (improvável).

Para quem usa a transferência automática de limites (e tem linhas de crédito pré-aprovadas), acho que definir o “valor real” é bem difícil, pois pode mudar a qualquer momento a depender das análises do banco e do uso do cliente.

Imagine se o Nubank também compartilhasse esses limites… Imagine um cliente com 1.000 de limite no cartão e 10.000 de empréstimo pré-aprovado. Conforme o uso, o app aumenta o cartão para 2k e diminui o empréstimo para 9k (sabemos que a conta não é tão exata assim e os valores mudam constantemente, mas vá lá é só um ex.). Qual o limite real desse cliente? O 1k que eventualmente ainda aparece no SCR? Os 2k que estão habilitados no app no momento presente? Os 11k em potencial? É meio complicado mesmo.

1 Curtida

Teoria interessante. :thinking:

Creio que você está enganado.
O app BB nunca mostrou os dados corretamente.
A informação do limite real só foi disponibilizada há cerca de 2 meses no app Ourocard.
Já foi comprovado por clientes no grupo do cartão Saraiva que compras à vista acima do valor real não são aprovadas.

Meu saldo devedor nunca chegou nem em 50% do limite no registrato. O limite é fixo, só muda quando há um aumento de fato. Não há fundamento nessa teoria. E os aumentos acontecem com o tempo, conforme a utilização ou aleatoriamente mesmo, como aconteceu no meu caso em janeiro.

Eu tenho cartões BB desde 2006, então, posso arriscar dar algumas informações com alguma propriedade…Mesmo que, quando se trata de BB, ninguém tem certeza de nada! :sweat_smile: :sweat_smile:

1 Curtida