Nubank Consórcios

Criar consórcios para adquirir bens, serviços etc…

9 Curtidas

Olá @zdanilo boas vindas , bem interessante

Passo longe de consórcios! :sweat_smile:

1 Curtida

Apesar do Nubank estar estudando lançamento de novos produtos, eu acredito que o consórcio não está tão perto…

Apesar do Nubank dizer que consócio vale a pena em alguns casos, eu realmente não consigo apoiar essa ideia. São casos mínimos e raros que valem a pena. Assim como o financiamento, geralmente é uma boa armadilha para a pessoa se endividar e acabar pagando o dobro ou mais daquilo que “comprou”.

Com o passar dos anos eu espero que a população tenha mais acesso a educação financeira e consiga enxergar alternativas para adquirir seus sonhos de consumo. E olha, há muitas.

3 Curtidas

Também não acredito nem acho que o Nubank deve entrar nessa. Mas vai que isso dá muito dinheiro…

Já foi falado por aqui vária vezes: poupar e pagar à vista é o melhor, sempre! Consórcio pode ser interessante, sim, em vários casos, especialmente quem tem parte da grana suficiente para o lance.
E o pior é pagar juros escorchantes do financiamento e seu método que, da parcela paga, abate 30 % no saldo devedor e os outros 70% são juros. A parcela cai porque a ganância do juro diminui.

Este vídeo desta moça não pode ser sério. Ela compara 400 mil de consórcio com 320 mil de financiamento? É isso, produção? Se a pessoa tem 80 mil (que ela usa depois para sugerir Tesouro Direto) para dar a entrada, ela não precisa de uma carta de 400 e sim 320.
O reajuste da parcela pelo INCC também reajusta o valor da carta, portanto, 15 anos depois esta carta valeria muito mais (o imóvel teria valorizado na mesma proporção?).
Lá, muito atrás, meu primeiro imóvel foi via consórcio (sim, não tinha idéia de investimento diferente de poupança :cry:). A carta era de 55 mil (dava para comprar um AP). Quando contemplei, a carta valia 82 mil.

E ao se dar o lance, o INCC será aplicado ao saldo devedor, que terá o desconto do lance.
Não sei quem é mais perigoso, o Sidnelson ou ela. OK, ela fala o certo, investir. Mas omite muito sobre o consórcio, além de dizer inverdades…

Nathalia Arcuri é uma profissional na área de finanças, dona do maior canal do mundo sobre o tema. Então sim, o vídeo é bem sério.

Ela não fez uma comparação de consórcio de 400 mil com 320 de financiamento, mas sim uma simulação seguindo os critérios do próprio banco. Se você fosse até a instituição e solicitasse uma simulação, era exatamente isso que gerente iria te falar, até porque no consórcio não há requisito de um valor de entrada. Mesmo assim, ainda no final do vídeo ela exemplifica exatamente o que você disse, mas com 30% e não 20%.

Se ela omitiu muito sobre o consórcio mas deu uma alternativa absurdamente melhor do que ele, acredito que ela certamente seja um monstro por isso, né? :joy:

O fato é que, com tantas boas opções de investimentos, não há inverdade alguma no vídeo, apenas a nossa dificuldade em aceitar que sim, crescemos sem educação financeira alguma e isso não é culpa nossa e nem dos nossos pais. Resultado? Somos bombardeados desde cedo que esses produtos são bons, quando na verdade ao colocar no papel todas as contas não faz o menor sentido.

Segue um outro vídeo que de umas autoridades na área de educação financeira no qual se aprofunda mais nos consórcio.

Ah, não é porque ele ou qualquer outra pessoa não diga aquilo que você sabe sobre consórcio (ou ainda aquilo quer você ouvir) que ele está omitindo alguma informação ou dizendo inverdades, mas apenas ensinando que há opções melhores para conseguir atingir o seu sonho, seja uma casa, carro, viagem etc.

Espero ter ajudado. :wink:

2 Curtidas

Consórcio não pelo amor de Deus.:sob::sob::sob:
Já chega o extress que tenho com a Honda. Melhor uma corretora de valores. Pelo menos isso da dinheiro e não tira.:joy::joy::joy:

Eu adoro a Nathália! E não sou a favor de consórcios! :smiling_face_with_three_hearts:

2 Curtidas

Olha a diferença do Cerbasi: ele não começa dizendo que é uma roubada, falando de forma espetaculosa com se fosse a maior besteira do mundo. Ele até sugere que tendo um valor suficiente para o lance pode ser uma opção.

Desculpe, aqui na minha terra omitir uma informação sabendo que a revelação da mesma pode prejudicar a tua intenção de convencer, chama-se desonestidade intelectual.

Ela comparou duas simulações, do financiamento e do consórcio. Com valores diferentes. Só para vc ter uma idéia, agora na Porto Seguro a parcela de uma carta de 400 mil é 2.474 e para uma carta de 320 mil a parcela é 1.979. Agora pegue esta diferença de quase 500 e projete para 15 anos. Aquele valor que ela mostrou ficaria beeem abaixo e o conceito de “roubada” não ficaria tão evidente.
E valorizou o fato de que a prestação seria corrigida pelo INCC todo ano. Mas não disse que o valor da carta também é corrigido (senão teu poder de compra fica defasado). Se o cara fosse azarado ao extremo e só fosse contemplado no último ano, a carta que ele receberia seria de quase R$ 700 mil e não de 400, considerando aquele INCC de 4%. De novo, a idéia de roubada ou péssimo negócio perderia um pouco do brilho.
Ela pode ser ótima no resto, ter uma porção de coisas boas no canal dela. Mas neste, especificamente, não foi honesta.

E vamos deixar claro: se vc não está com pressa de ter o bem, tem renda para mensalmente investir, é claro que investimento é melhor. Mas se vc tem uma boa parte, tem alguma ou muita pressa, então consórcio é algo a ser considerado, como o Cerbasi pontua.

Outra ponto é o histórico: todo este auê de investimento tem pouco tempo. Volte 10 anos no tempo e veja se era tão fácil investir no TD, ações, fundos, etc. Vc estava preso ao gerente do seu banco com aqueles CDBs, se tanto (forte mesmo era poupança). Não se pode achar que sempre tivemos esta facilidade que temos hoje. Daí a cultura do consórcio já que investir não era acessível e financiar é mais caro.

1 Curtida

Tão tá, né. :man_shrugging:t2:

1 Curtida

O fato de vc ter tido problema com uma não invalida a idéia como um todo. Há muita reclamação contra corretora também, mas isso não invalida o conceito de usar uma para investir.
Mas também acho que o Nubank não tem que mexer com isso.