Quem libera o limite do cartão Nubank?

#Xôhumanos: Robôs do Nubank são quem aprova seu cartão de crédito.

Muitas pessoas ficam indignadas com o limite de crédito concedido pelo Nubank. Recentemente até tivemos muitos casos de pessoas que solicitaram o cartão e ganharam limite de apenas R$ 50,00. Mas a verdade é que nenhum ser humano é responsável por isso. A culpa é dos robôs do Nubank.

Robôs são na verdade algorítimos de inteligência artificial. O Nubank usa a tecnologia como uma ferramenta para largar na frente dos bancos tradicionais. Além da aprovação ou não de crédito, a inteligência artificial é a responsável por conceder os aumentos de limites que deixaram o Nubank famoso e o tornaram esse sonho de consumo de tantos brasileiros. Claro, não podemos esquecer que além desse motivo, outros fatores o tornam um cartão de crédito muito bom, dentre eles a isenção de anuidade e sua bandeira Mastercard Internacional.

Como os robôs do Nubank analisam seu crédito?

Para fazer a análise de crédito, a fintech mais famosa do Brasil usa de mecanismos automatizados conhecidos como Inteligência Artificial. E o valor do limite que um cliente pode ter baseia-se principalmente na probabilidade de quanto este cliente pode pagar.

Levando em conta que o Nubank não solicita comprovação de renda, é necessário outras formas de descobrir se uma pessoa pode ou não pagar suas contas, e quanto ela pode. O Nubank até pede para o cliente colocar seus rendimentos na hora da aquisição do cartão, mas você sabe, as pessoas mentem. Neste sentido, a fintech usa a IA para avaliação de riscos de inadimplência.

O Nubank usa algorítimos (é aí que entra os tais robôs do Nubank) para analisar os dados da vida inteira do potencial cliente, incluindo a presença digital. A ideia é que esses dados forneçam não apenas mais insights sobre a pessoa, mas também o score de crédito.

Em entrevista, executivo esclarece Inteligência Artificial do Nubank

Em entrevista concedida ao Estadão, o executivo da área de ciência de dados Krishna Venkatraman, explicou como funciona a Inteligência Artificial do Nubank. Antes de mais nada, saiba que para analisar o crédito o Nubank utiliza dados de serviços de proteção ao crédito, como Serasa Experian, Boa Vista SPC e SPC Brasil, como qualquer outra administradora de crédito.

Entretanto, além disso, o Nubank também analisa o comportamento de compras e as indicações de outros usuários do Nubank. E um dos diferenciais do Nubank é que eles conseguem fazer a análise muito rápido. A inteligência artificial do Nubank permite que a análise seja feita em poucas horas.

Porque o Nubank não aumenta meu limite?

Muitos clientes do Nubank reclamam que seu limite não aumenta, mesmo utilizando o cartão corretamente, utilizando o limite integral ou quase integral, e pagando muitas vezes adiantado as faturas. Afinal, porque o Nubank não aumenta o limite desses clientes?

Antes de mais nada é preciso saber que o Nubank trabalha com uma política de aumento de crédito gradual. Você pode pedir aumento de crédito pelo próprio aplicativo, e os robôs do Nubank imediatamente avaliam algumas informações, como o quanto você costuma gastar na fatura em relação ao seu limite total, o seu potencial de gastos futuros, há quanto tempo você é um cliente do Nubank e o risco de você se tornar inadimplente, com base no seu score de crédito.

E a inteligência artificial responde rapidamente, pois em poucos minutos consegue analisar tudo isso e avaliar se é possível lhe dar mais crédito ou não. Então, não tem jeito. O jeito é aumentar seu score, gastar e pagar corretamente Pagar faturas em dia, utilizar bem o limite já disponibilizado por mês, realizar pré-pagamentos e pagar o valor integral da fatura são aspectos tidos como positivos e que ajudam nessa análise. Não há uma fórmula que possa garantir que você vai conseguir mais limite, mas manter um bom perfil de consumo e pagamento é essencial pra isso. No decorrer do nosso relacionamento vamos conhecendo melhor seus hábitos e comportamento de consumo e pagamento e assim podemos liberar aumentos de limite que se encaixem no seu perfil de consumo.

Os robôs do Nubank são democráticos e sigilosos

O executivo indiano que saiu do BMG para trabalhar em São Paulo confirmou que a análise de crédito não discrimina ninguém por classe social, sexo, escolaridade, etc. Os únicos fatores que vão determinar o limite de um cliente são os dados de consumo da pessoa. E de fato vimos isso na prática, pois já vi pessoas que ganham menos do que eu terem um limite maior, e pessoas que ganham mais com um limite menor. Só para relembrar, a Apple foi acusada de oferecer limites menores às mulheres no cartão de crédito Apple Card nos Estados Unidos. De acordo com o executivo indiano, isso nunca acontecerá com o Nubank.

Além de não haver nenhum tipo de distinção entre fatores sociais dos clientes, os robôs do Nubank também favorecem a privacidade dos dados compartilhados, já que não há uma análise humana sobre os mesmos. De acordo com Krishna Venkatraman, “nos próximos 10 anos, os clientes tomarão as rédeas sobre os direitos de seus dados. É perfeitamente possível anonimizar dados sensíveis ou remover informações pessoais, a menos que eles sejam extremamente necessários, como em casos de fraude”.

O executivo do Nubank ainda diz que a tecnologia de inteligência artificial no Brasil é atrasada em relação à países como os Estados Unidos. “A riqueza e diversidade de dados dos EUA é maior. O Brasil tem alguns “buracos” que precisamos cobrir. Informações de bom pagamento, como cadastro positivo, ainda não são amplamente adotados por aqui”.

5 Curtidas

Será que tá muito grande? :thinking::rofl:

Cuidado com o português.

Robôs do Nubank APROVAM.

“é aí que entra os tais robôs do Nubank)”:

É aí que ENTRAM os tais robôs do Nubank.

1 Curtida