03/12 Dia internacional da pessoa com deficiência

Oi pessoal. Eu me chamo Jessica, tudo bem?

HI

No dia 3 de dezembro é comemorado o Dia Internacional das Pessoas com Deficiência. Eu tenho baixa visão, ou seja, vejo cerca de 20% do que uma pessoa que tem a visão boa vê.

Existem muitos desafios em ser deficiente visual, muitos tombos nas calçadas por conta das ruas irregulares da vida, muitos ônibus perdidos porque quando vejo o letreiro, ele já tá muito perto e o motorista não quer parar, ou às vezes quando fui parar em lugares totalmente desconhecidos por pegar o ônibus errado.
errou

E esse são apenas alguns dos desafios que encontro.

De acordo com a ONU, aproximadamente 10% da população mundial possui algum tipo de deficiência. No Brasil, de acordo com dados do censo do IBGE 2010, existem 45,6 milhões de indivíduos que se declaram com deficiência, o que corresponde a quase 24% da população. O dia de hoje tem como objetivo sensibilizar e fomentar uma reflexão, em nível mundial, a respeito dos desafios enfrentados pelas pessoas com deficiência.

Acredito que a melhor forma de ajudar uma pessoa com deficiência é perguntando e sempre ter empatia!

A gente não morde não, tá? Pode perguntar um “Eu posso te ajudar?” Vale muito mais do que uma pessoa que sai te puxando pelo braço com uma cara de pena.

As vezes preferimos fazer as coisas sozinhos, e nos sentirmos independentes, por isso, não se ofenda caso uma pessoa com deficiência negue sua ajuda, não é nada pessoal.

As pessoas se assustam, olham com pena e às vezes até com desconfiança quando me veem com minha bengalinha verde carinhosamente apelidada de mutano.

O mercado de trabalho é um desafio à parte, já trabalhei em empresas que me davam suporte zero, ou que me tratavam como coitada, já estive em uma empresa onde até me disseram que tinha que agradecer por ser deficiente visual e não precisar realizar certos tipos de atendimento.

Sempre me fizeram sentir que não importava o quanto eu me esforçasse, eu não seria o suficiente e que estava ali basicamente para cumprir cotas.

Passei por diversas experiências que me tornaram uma pessoa mais forte e preparada!

força

Aqui no Nu já é diferente. Eles me dão suporte e me veem como uma pessoa que pode contribuir e evoluir, se algo não está funcionando, eles trabalham junto comigo para encontrar uma solução que fique confortável para mim, me ensinaram a falar “Oi, tudo bem? Isso aqui não funciona para mim não. Como podemos resolver?”, coisa que em anos trabalhando em empresas tradicionais, eu fui ensinada a não fazer.

Agora, eu me sinto realizada, pois eu posso me envolver em projetos e sinto que tenho voz e que sou reconhecida por meu trabalho, pois as vezes a gente que tem deficiência, precisa dar 110% para sentirmos que merecemos estar onde estamos e que somos mais do que capazes de lidar com as nossas atribuições, e isso é um diferencial para mim, é mágico.

49 Curtidas

Nossa que relato de vida, me deixou com os olhos lagrimando, eu faço parte desses 10% não tenho a visão de um lado percebi quando tinha 12 anos que algo estava diferente, no começo foi muito difícil pois eu não me aceitava perdi muitas oportunidades de emprego quando eu falava que só enxergava de um lado (A essa deficiência foi de nascença e naquela época ainda não tinhas tantos exames após o nascimento para identificar) até que um dia depois de conversa muito com meus tios resolvi assumir e fui em busca dos meus direitos (isso eu com 25anos), fui em um lugar para pne onde fiz um cadastro eis que abriu muitas portas inclusive a de emprego que é onde estou trabalhando até hoje mês que vem ja faço 4 anos, e essa empresa me acolheu de uma forma maravilhosa lembro até do dia da minha primeira entrevista( fui indicado para vaga de embalador) depois de todo processo da entrevista a moça do RH chamada ALINE chegou pra mim é falou que tinha uma vaga para OPERADOR de CAIXA e se eu tinha interesse lembro que olhei pra ela E falei você sabe que eu nao tenho a visão de um lado então ela falou EU ACREDITO EM VOCÊ isso me deu uma coragem tão grande que eu peguei e aceitei durante todo esse tempo já fui indicado a destaque por um bom atendimento, dificilmente faltava dinheiro no meu caixa. Agradeço até hoje todos os dias por ela ter acreditado no meu potencial que até eu mesmo não sabia que tinha ! A empresa que trabalho e Supermercado ATACADÃO, percebi que é uma empresa que da oportunidades de crescimento profissional
a todos.
Enfim teu post me fez querer dividir um pouco da minha história com todos da comunidade, muito OBRIGADO @JessicaB ! Te desejo SUCESSO e fica aqui uma mensagem de apoio a todos independente se é pne ou não ACREDITE SEMPRE EM VOCÊ.

19 Curtidas

Amei o relato de vcs @JessicaB , @Filipousem de superação muitas pessoas quando recebem o não vê como se tudo acaba se, é vcs não, superaram é não deixaram se abalar empresas assim como a do nubank é a sua do atacadao são empresas que deveriam ser mais vistas é que estão prontas pra lidar com cada situação, é tem gente que não conhece é ainda gostam de criticar as empresas sem saber o por trás de cada história parabéns

13 Curtidas

Parabéns, Jéssica. Excelente texto. Me fez pensar: como somos leigos em determinados assuntos. Muito obrigado!

9 Curtidas

Parabéns Jéssica, admiro sua coragem e superação. Você é uma mulher de fibra, e nós te amamos.

6 Curtidas

Que relatos incríveis @JessicaB e @Filipousem! Parabéns pela garra e determinação! :clap:

Isso é algo interessante de saber. Eu nunca sei como oferecer ajuda e fico com receio de ser inconveniente a pessoa. Valeu pela dica! :smiley:

10 Curtidas

Parabéns Jéssica ,pela guerreira que você é.
Tenho uma profunda admiração e respeito por pessoas assim.
Vá em frente. Com sua coragem e determinação, mostrará que ninguém é incapaz por ter uma diferença.
Felicidades e sucesso sempre.

5 Curtidas

Você é um exemplo de resiliência Jessica, não se intimida pelas dificuldades que sente, se tem vontade corre atrás e é a melhor no que faz parabéns.

5 Curtidas

Que SUPERAÇÃO, meus amigos!

Muito obrigado @JessicaB por nos contar sua história. Durante 28 anos da minha vida eu tive problemas de visão e já ouvi todos os tipos de piada por causa disso. Por sorte consegui resolver por meio de cirurgia, mas as palavras ouvidas jamais serão esquecidas.

Parabéns por não deixar se abalar e servir de inspiração para outras pessoas, guerreira! :purple_heart:

6 Curtidas

Histórias inspiradoras @JessicaB e @Filipousem .
Muito obrigada por compartilharem as suas experiências com a gente! Dá um gás pra vencer os obstáculos!

4 Curtidas

É um exemplo de força e determinação! Parabéns por sua caminhada! S2 \o/

2 Curtidas

"Que sejamos a mudança que queremos ver no mundo!"
Assim eu derreto toda com exemplos de empresas assim…
Ainda há uma esperança! :bulb:
É estranho como a maioria das pessoas que converso relatam que o nosso congresso não tem credibilidade e a maioria dos parlamentares são corruptos, mas ninguém quer ser um político pra mudar o cenário! :man_office_worker:
As pessoas desejam um mundo melhor, reclamam dos dias muito quentes e de como a poluição afeta nossas vidas, mas mal conseguem separar o lixo reciclável dentro da própria casa. :house:
Muitos são contra o aborto, promovem discussões sem fim, mas na prática nunca adotaram uma criança no orfanato. :angel:
Muitos querem ser ricos, mas preferem “parecer” ricos pela sensação de prazer instantânea. :money_with_wings: :money_with_wings:
Também começo a questionar o modelo clássico de avaliação por provas e títulos para seleção. Ando valorizando mais a pro-atividade e o altruísmo do que o título em si. Penso que, se um profissional deseja fazer parte de uma empresa, a vontade de se capacitar será espontânea e atrelada a um bom relacionamento interpessoal. :running_man: :running_man: Neste caso, o estimulo não implica na obrigatoriedade de alguma gratificação financeira por trás. Não há nada errado em ter participação nos lucros e resultados, mas contando que seja por meritocracia. Não importa se você é o mais inteligente, mas se existe o constante desejo de aprimorar. Isso diz muito a respeito do seu perfil e do quanto você tem sede de conhecimento.:footprints:
Outro ponto importante: é mais fácil encontrar um nome para ser o culpado do que chamar a responsabilidade pra si e assumir junto com a equipe o resultado. Falo de quando, no seu interior, se pergunta no que poderia ser feito para que o balanço fosse diferente. Enquanto as pessoas não quebrarem esse ciclo vicioso, os profissionais continuaram interpretando o meio de trabalho como um circo de batalha e não como um time que joga junto. Afinal um resultado ruim, nunca pode ser olhado de um único anglo. O nosso maior inimigo é realmente o nosso próprio ego. :eyes: :eyes:
Dito todos esse exemplos, você deve estar se perguntado porque três exemplos como esse numa comunidade financeira? Por que por trás de uma marca existe um time com valores bem definidos e sincronizados. Imagino que alguém lá atrás teve a coragem de ser diferente e de manifestar seu inconformismo também. Como muitos podem ver, ainda faltam itens que poderiam acrescentar ao Nubank maior relevância ao mercado, mas ele acertou demais quando trouxe satisfação aos clientes pelo atendimento. E a partir dessas ações os resultados começam a aparecer. [https://exame.com/negocios/os-10-melhores-bancos-do-brasil-segundo-os-clientes-nubank-em-1o/]
:partying_face: :partying_face: :partying_face: :partying_face:
Fiquei muito contente com essas postagens! Estamos juntos nessa, por um mundo melhor para se viver! :facepunch:

5 Curtidas

Adorei o seu relato, Jessica. Isso serve para mostrar o quanto precisamos evoluir ainda como seres humanos, e aprender a ter mais empatia uns com os outros.

Sempre tento ser o mais gentil possível com as pessoas próximas a mim, e principalmente, com as que não conheço. Dá um “Bom dia” sempre que puder para o coleguinha de trabalho, o moço que vende pão, o rapazinho do elevador, é sempre bom e o que custa?

É muito além do que só educação, é evolução! :rocket:

Muitos não admitem quando estão com problemas por vergonha ou orgulho, mas a culpa por não ter iniciativa e perguntar é só dele? :thinking: Tenho uma coleguinha que é deficiente visual, e por aqui, ela já entendeu que pode contar comigo e com o pessoal sempre, que pode falar quando precisar!

Já até passamos um dia inteiro vendados para simular (claro, nem de longe é a mesma coisa) o que ela passa todos os dias. E com isso, arrumamos umas coisinhas por aqui pra ajudar ela. :relaxed:

6 Curtidas

Boa tarde dizer oque depois destes relatos toda está história só vem à fazer agente refletir e muito.muito obrigado por me fazer pelo menos pensar e fazer algo pelo próximo; porque o próximo pode ser eu ou algum ente .

2 Curtidas

Legal sua matéria JessicaB, suas colocações referente ao assunto são muito importantes para conscientização e valorização da classe dos deficientes físicos, verdadeiros heróis, pois enfrentam dificuldades e adaptações dia após dia. Forte abraço.

1 Curtida

Que lindo Jéssica…estou tão contente com seu texto… Pessoa com você, nos dá força para viver e vencer, saibas, que a vida é uma arte de viver, podemos superar todos os obstáculos e corresponder com todas as expectivas que nós são apresentadas… Somos assim mesmos, entusiastas, somos felizes… Sempre sentimos os anjos nos abraçarmos… Feliz dia feliz para você.

1 Curtida

Muito legal o seu depoimento. Um exemplo de determinação e superação. Abs.

(respostas abandonadas pelo autor, serão removidas automaticamente em 24 horas a exceto se forem sinalizadas)