Alguém aprovado no Ultravioleta?

Acho que vou ficar sem esse mesmo. Dificilmente nubank vai me aprovar :pleading_face:

1 Like

Pelo o que consegui entender lendo os comentários da comunidade, as pessoas que foram aprovadas receberam a mensagem por e-mail imediatamente após a solicitação para entrar na lista de interesse/espera.

Eu também não recebi, então creio que nós ficamos para depois, mas um dia chega :stuck_out_tongue:

Concordo com vc !! Tenho vários cartões de instituições diferentes, não aceito pagar anuidades seja de qual tipo de cartão, mesmo porque as instituições já “ganham”, tanto do usuário que o utiliza como do comerciante que aceita. É um privilégio e lucrativo para a instituição que seu cliente utilizem o cartão.

1 Like

meu nao aparaceu nada de aprovado e tenho ja 10 mil de limite no cartao e 20 mil na nuconta

Rico. Esse negócio de gastar 5mil ou ter 150 mil baixados no Nubank. Até podem ter os defensores. Mas o que fez o Nubank ser o Nubank não foi os endinheirados. Foi o povo que gasta o necessário. Tô bem desconfiado. Selecionando cliente vai deixar o Nubank com identidade de outros bancos. Classicismo no Nubank. Ponto negativo no meu ponto de vista.
Aguardando os cancelamentos em 3,2,1…

Na minha opinião o Nubank não está selecionando clientes, e sim expandindo a oferta de produtos para mais clientes ainda. O roxinho tradicional continuará existindo e funcionando da mesma forma.

No post abaixo eu coloquei a minha visão sobre o Ultravioleta:

Além disso, eu acho que o @lucaskdy resumiu bem o que eu quis dizer:

11 Likes

Respeito a opinião de vocês. Os bancos tradicionais sempre fizeram isso. Os ricos e endinheirados nunca pagam tarifas ou impostos devidamente. Porque esse valores são rateados para as massas pagar. Os selects e os que nasceram com a loteria ganham benefícios somente por estar com o dinheiro estacionado no banco tal . Logo,logo o Nubank estará como os demais.

É isso aí! Com opiniões diversas e respeito mútuo a gente consegue um debate cada vez melhor e mais saudável! :wink:

E só esclarecendo um ponto, eu não sou rico. Só me enquadro nos critérios de isenção da anuidade e acho que o Ultravioleta será vantajoso para mim.

Então me chamando de rico, você quer dizer que eu não pago meus impostos devidamente? O que isso tem a ver? :face_with_raised_eyebrow:

11 Likes

As mensagens aqui. Estão acabada e sem linha como no Twitter. Não tem fio. O rico da primeira mensagem não tem nada a ver com o rico e endinheirados da segunda. Esse segundo rico está composto. O primeiro rico foi expressão amistosa. Desculpa se vc entendeu errado “rico”

Ok. :wink:

O famoso pedido de desculpas que coloca a culpa no outro. :roll_eyes:

Não fui eu que entendi errado, foi você que se expressou mal.

8 Likes

Beijinhos. Não tava indo Carol?

Acabou as lanternas. O novo lote da China chega essa semana.

1 Like

Mas o próprio programa Rewards era pago e consequentemente não era vantajoso para todos, mas aparentemente só agora com o lançamento de um novo cartão do tipo “black” é que tem problema? Desculpa amigo, mas não vejo coerência no teu argumento.

9 Likes

Se ganhar/gastar 5 mil reais fizesse alguém rico nesse país, esse não seria o teto do INSS. Como disse em outro post:

14 Likes

Alguém com menos de 5k de limite foi aprovado ?

Está desculpado. Uma coisa é sistema de recompensas outra coisa é sistema de estratificação como os demais Bancos. Já ouviu falar em Personalité, Select e por aí vai? Meu ponto é só a questão de se igualar aos demais Bancos. Posso ter direito de ser discordante ou tenho que ficar submisso a coerência de mercado?

Hey @MarioLeao, o Ultravioleta é justamente o oposto, diferente de outros no mercado onde o cliente é “selecionado” ou “convidado” para obter um cartão com benefícios exclusivos. O Nubank deixou em aberto, inclusive oferece uma mensalidade se os gastos do cliente não forem compatíveis para a isenção.

13 Likes

Há um personagem que eu gosto muito chamado Craque Daniel, ele tem um frase que diz: " Todos têm direito a opinião…"

5 Likes

Basicamente o mesmo funcionamento que havia no programa Rewards.

8 Likes

Há um equivoco aqui. Nesse caso, quem paga as tarifas dos “ricos e endinheirados” são os lojistas, não há um rateio entre a “massa” pra bancar esse conforto.
Um cartão de crédito é, literalmente, um empréstimo que o banco te faz. Você não paga juros por esse empréstimo, mas o lojista que aceitou a compra no crédito paga um percentual que cobre toda a operação, incluindo o custo de capital que algum investidor aceitou receber pra bancar esse crédito.
A margem de 5k/mês deve ser o termômetro pra cobrir as despesas e gerar um lucro mínimo calculado pelo banco. Se meu perfil de consumo não é esse e eu decido pagar R $49,00/mês só pra ter um cartão mastercard black, então é melhor ter consciência de que eu estou pagando por status, não por serviço.
E vou ser honesto com você, tenho um cartão Black por outro banco, e ninguém liga, ninguém me olha admirado ou acha “legal” eu ter um cartão premium. Eu gosto muito dessa modalidade de cartões pelo retorno que me dá, eu acabo recuperando um pouco do que gastei, mas nada que pedir um desconto na hora da compra não fosse resolver. Com certeza muitos lojistas te darão mais que 1% de desconto (que é basicamente um cashback, afinal, vc não gastou aquele dinheiro)

4 Likes