Casa de ferreiro, espeto de pau

Também gosto muito dos vídeos do Cerbasi.
Ele é muito claro nas suas explanações.
Mas, eu daria uma super amenizada no “extremamente humilde” porque cobrar R$ 4.000,00 em curso de Inteligência Financeira orientando a diversos brasileiros organizarem suas finanças, é um tanto quanto surreal.
O cara é milionário, se não for bilionário, sabe que sua fortuna cresce constantemente pelo seu público-alvo que tem uma condição financeira baixa ou são endividados, que são as pessoas que assistem aos seus vídeos, cobrar R$ 4.000,00 em um curso, claro que é pra outro público-alvo. Mas, não fica claro quando está divulgando. Faz os menos favorecidos entenderem que são eles o público-alvo.
Aguarde o desenrolar do Masterclass Inteligência Financeira gratuito que começou essa semana,
Eu fiz o último e fiquei chocada quando no último episódio ele divulgou o valor.
Eu nunca esperava um valor tão alto quando durante todo o masterclass ele fala pra um público que tem uma condição financeira baixa e está em busca de se organizar financeiramente.

Me referia no sentido pessoal, não profissional. :+1:t2:

Mas, no sentido pessoal não importaria pra nós já que ele não é do nosso convívio pessoal e, sim, um educador/analista financeiro e influenciador digital.

4 Curtidas

No meu Instagram tá cheio de gente querendo ser “melhor amigo” dele!

Será que eles vão ter que ajudar a pagar a conta? :rofl:

2 Curtidas

Mas eu não entrei nesse mérito.

Concordo que é um valor alto, mas cada profissional tem o seu valor.

Eu concordo, @Tinhualves que o Cerbasi tem muitíssimo valor, o que eu acho desconexo é o valor do curso dele para o público-alvo a quem ele se dirige quando faz divulgação.
Só se for pra pessoa fazer um empréstimo pra participar.

Acho o Primo Rico muito falastrão e marketing, gosto bastante das análises e críticas que o pessoal da Nord Research faz, lá não tem promessas de ganhos exorbitantes e o modo de repassar conhecimento é de fácil entendimento até para os mais leigos.

1 Curtida

Depois de ler entendi que a compra foi para os pais dele, e pediram para colocar em seu nome pq eles não tinham crédito para comprar por outras dívidas, é complicado, as dicas deles são boas, se os pais seguissem com certeza não teria ocorrido isso.

2 Curtidas

E tbm, não pagar a dívida não quer dizer que ele não tenha dinheiro, ele achou os juros abusivos e tacou o f0d@-se. Eu tenho uma dívida que era pra ser 120 reais, me cobram 400, eu não pago, mesmo tendo o dinheiro. A dívida dele era 540.000, eu tbm não pagaria 1,7 milhão num ap de 540.000, e ele já tinha pago 19 parcelas que somam 76.000

2 Curtidas

Ontem eu vi um documento em um processo dele de 2016, pedido gratuidade das custas do mesmo por não ter condições de pagar.

Sendo que nessa época ele já tinha empresa e ganhava uma boa grana :rofl:

Daquelas jogadas de advogado:

Veja o trecho da entrevista:

No processo mais recente movido pelos defensores das empreiteiras para receber seus honorários, a sua advogada afirma que você não tem os cerca de 8 000 reais para arcar com os custos imediatamente. Você passa por problemas financeiros?

Seguinte: é uma praxe de advogado para ganhar esse tempo. Da minha parte, há fundos à disposição.

Eu vi isso aqui:

Pois é… se for verídico o documento, deve ter sido o documento anexado ao processo.
Mas, ainda que não esse aí exatamente outro de igual conteúdo foi anexado.

2 Curtidas

Se achava os juros abusivos era só não fazer o negócio ou entrar com um processo para rever o contrato e ser ressarcido dos juros.

Abusivos ou não, existe um contrato que ambas as partes devem cumprir. Um erro não justifica o outro.

Então ele mentiu para se isentar das custas?

Tanta gente precisando da justiça gratuita e o cara com dinheiro faz isso. Complicado.

Sim, ele mentiu.
Ou melhor… com certeza, ele mentiu.

1 Curtida

Ele escolheu não cumprir a parte dele, o banco tomou o imóvel, o contrato foi respeitado.

2 Curtidas

Se você assina um contrato dizendo que irá cumprir com a sua parte, o mínimo que se espera é que você honre com sua palavra. Mas cada cabeça é uma sentença, então…

1 Curtida

Há possibilidade da palavra não ser cumprida, inclusive é previsto em contrato. No fim sairam todos felizes, o Primo Rico se livrou de uma bola de neve, o banco recebeu 76/500 e ainda vai lucrar com a venda do ap por um preço maior. E vou além, duvido que qualquer pessoa aqui nesse tópico pagaria 1.700.000 numa dívida de 500.000, inclusive você.

Você está certo, eu não pagaria.

Mas eu não iria nem começar o negócio, ao invés de fazer e depois parar de pagar :wink: