Emprestar Limite a outro cliente

Um sistema em que o cliente A. pode emprestar parte do limite do cartão de crédito para o cliente B., cliente A. serve como garantia tendo assim que assumir a divida, caso o cliente B. não consiga pagar. As possibilidades são muitas, será que funcionaria?

1 Like

Acredito que isso ia gerar uma confusão…
Imagina que eu empreste para um amigo e depois a gente briga/se afasta por algum motivo e passo a querer o crédito de volta e por aí vai, tá feita a bagunça que ia respingar no atendimento do Nubank.

16 Likes

Eu também sou do time que acha que uma solução desse tipo seria complicada, tanto para os clientes, quanto para a instituição.

Algo semelhante que eu acho que funciona bem é o cartão adicional, onde os gastos deste vão para a fatura do titular e a responsabilidade recai toda sobre ele. Espero que o Nubank traga esse recurso em um futuro próximo.

22 Likes

Acredito que seja a solução mais acertada nesse sentido! :slightly_smiling_face:

8 Likes

bem-vindo @MateusB !
Isso me lembrou um pouco o esquema da cooperata, do tempo que trabalhei no Atacadão, era uma cooperativa de crédito, e emprestava a juros menores que o mercado, com a condição de ter fiadores para o empréstimo.
Uma vez me pediram pra ser fiador e eu sem jeito de negar aceitei. Vou dizer que não é uma situação muito legal, pois você fica ansioso pela dívida do outro. Nada legal.
No fim deu tudo certo e o colega de serviço pagou certinho o empréstimo que ele fez.

1 Like

Eu penso que o cartão adicional seria mais simples pro nubank controlar, mas não existe cartão adicional e não tem previsão de ter. O que eu imaginei seria tipo um pix, você manda um “pix” do seu limite pré aprovado de crédito, e poderia ser pra qualquer pessoa, diferente do cartão adicional, que normalmente só feito para pessoas da mesma família, não sei se pode ser feito pra uma pessoa aleatória.

Eu entendo, teria que que ter total consenso das duas partes mas do jeito simples e descomplicado do nubank. Mas ser fiador de alguém é algo muito sério, não tem como ficar sem jeito de dizer não e aceitar kkkk se não confia que a pessoa vai honrar a dívida não faz e ponto final.

1 Like

Eu acho que aumentaria o risco de inadimplência para o cliente “A”. Se o banco concedeu um limite menor para o cliente “B”, em tese, esse cliente representa o risco de crédito maior para o banco, então se esse empréstimo pudesse ser feito, o cliente “A” estaria assumindo pra si, um risco que é do banco.

Mas isso já dá pra fazer, atravéz do RecargaPay por exemplo. A diferença é que a pessoa recebe o valor em vez de limite de crédito.

7 Likes

Eu iria para o caminho de um cartão adicional, se isso fosse o projeto, com certeza.

4 Likes

Oxi, um virar fiador do outro? Cada um com seu CPF…

3 Likes

Acho meio arriscado…

Se a pessoa estourar o limite e não pagar, você fica com a divida? É isso?
Se quer ajudar e confia no amigo, empresta o cartão e a senha pra ele, sem precisar envolver a instituição.

2 Likes