O Nubank errou

Olá, pessoal.

Desde que o Nubank foi fundado, diversidade sempre foi um dos nossos pilares. Entre os valores mais admirados da companhia está Construímos Times Fortes e Diversos.

Porém, progressos feitos desde os primeiros anos em algumas estatísticas relativas à igualdade de gênero e LGBTQIA+ mascararam a real necessidade de trabalhar ativamente para enfrentar o racismo estrutural.

O Nubank entende que questionar e ser questionado faz parte do processo de desafiar o status quo. E não é diferente com o campo da diversidade. Os fundadores e lideranças passaram os últimos dias em conversas com a comunidade negra de Nubankers, ativistas e clientes. Estamos trabalhando em uma agenda com ações concretas e ambiciosas.

Veja mais na carta dos nossos fundadores: https://blog.nubank.com.br/nubank-erramos/

56 Curtidas

Estava no aguardo de um pronunciamento oficial.

Acho que admitir o erro é o primeiro passo. Agora que o Nubank siga trabalhando e sempre melhorando.

26 Curtidas

Obrigado @cmarcelo pelo post , é muito bom saber que o nubank continua trabalhando, e admitindo os erros irão muito mais longe

13 Curtidas

Muito bom @cmarcelo !!!

Olhar para o futuro com novas perspectivas nos faz ter esperança em uma sociedade melhor.
:purple_heart::grin:

11 Curtidas

Vem errando muito, em outras atitudes também, vocês nunca devem esquecer a que propósito o Nubank foi criado, sem ele, o Nubank deixa de ser “Nubank”.

6 Curtidas

Concordo. O Nubank está perdendo sua essência. Adotando uma complexidade e juros abusivos. Diversade é um processo.

4 Curtidas

2 postagens foram mescladas em um tópico existente: Cadastro no app - Fotos

Pra quem tá por fora, foi uma declaração da Cristina Junqueira. Mas assim, acho que o pessoal também tá pegando pesado demais. Nubank já se retratou e bola pra frente, aprender com os erros.

“Estamos procurando uma pessoa para ser nossa líder global de diversidade e inclusão. Já faz algum tempo, já faz algum tempo que a gente está buscando (candidatos para) várias posições. Inclusive, tem uma posição de vice-presidente de marketing para trabalhar comigo que já estou há bastante tempo procurando e é difícil. Eu acho que recrutar Nubank sempre foi difícil. O maior desafio do Nubank é gente. Não dá para nivelar por baixo “, respondeu a sócia do Nubank.

Acompanho a Cristina no Instagram e com certeza ela não quis dizer isso.

8 Curtidas

Muito obrigado @cmarcelo

Por compartilhar esse post, todos nós somos passíveis de erro e erramos sim. Mas a maior virtude é aprender com os erros e tentar evoluir de alguma forma, por isso tenho orgulho de ser cliente Nubank, por todas as facilidades e usabilidades, por todos os serviços prestados de forma gratuita e inclusiva, mas, acima de tudo tenho orgulho de ser um cliente Nubank pelo respeito e pela inclusão, ou seja, a maior virtude é aceitarmos e respeitarmos uns aos outros e isso posso falar de peito aberto o Nubank sempre fez. Porque o seu maior foco não é só a rentabilidade dos serviços prestados mas seu maior foco é no bem estar e o respeito de:

Pessoas - Pessoas como eu e você, o mundo precisa de mais amor, mais respeito ao próximo e mais inclusão só assim caminharemos para uma sociedade unida e pacífica. Não importando classe, etnia, religião, orientação sexual ou qualquer tipo de preconceito.

#Não ao Preconceito

, não podemos aceitá-lo de nenhuma forma.

Parabéns pelo excelente trabalho Nubank

Orgulho de ser cliente!

Que bosta haha. Ela não falou nenhuma mentira, mas a lacrosfera não sabe lidar com verdades incômodas. Esse pedido de desculpas só serve como um atestado de culpa e faz parecer que a empresa está admitindo ser, de fato, racista. Peidaram na farofa.

4 Curtidas

Eu e mais quatro familiares encerramos nossas contas.

É a nossa humilde contribuição para que essa instituição financeira esteja nivelada por cima. Não só no seu quadro funcional, mas também na sua carteira de clientes.

Já que não contrata negros para “não nivelar por baixo”, não podemos operar com essa instituição para “não nivelar por baixo”.

É muito bonitinho esse discurso sobre diversidade, inclusão e afins, quando estão apenas jogando para a plateia. Ter uma prática dissociada do discurso é sinônimo de hipocrisia.

Que pelo menos tenham dignidade suficiente para admitir que são racistas iguais aos outros. Pelo menos alguns deles não cometem a desfaçatez de proferir discursos “políticamente corretos” que sequer saem do papel.

A fotografia, extraída do site oficial, vai de encontro a todo esse discurso.

Diversidade para quem?

Inclusão para quem?

Para ficar bonitinho na propaganda? Até nisso falharam miseravelmente.

Seria muito mais correto e honesto por parte da instituição abster-se desse discursinho que não engana mais ninguém, porque os fatos e os dados contrariam completamente.

Pelo registro, o quadro funcional espelha a imagem da empresa. E a instituição, por uma questão de coerência, deve prospectar sua clientela entre esse mesmo grupo.

Agora vão vir com programas específicos, vagas segregadas e outras “esmolas” cuja única intenção é limpar a barra perante a opinião pública?

Agora que o estrago já foi feito, acham que irão nos agradar com um punhado de migalhas? Não precisamos. Não aceitamos.

Essa balela demagógica de inclusão, diversidade não encontra mais eco entre nós. Basta.

Não precisamos de pessoas e empresas cujo discurso não coaduna com a prática.

15 Curtidas

Eu entendo que dentro do contexto foi totalmente mal interpretado. Ela não diz em nenhum momento sobre cor, ela se referiu a pessoas. Pessoas não estão qualificadas para ocupar cargos que deveriam ocupar.

Não é fácil atender todas qualificações que a Nubank exige, se você reparar no site deles, existem diversas vagas disponíveis porque justamente você precisa estar bem qualificado e além do mais, saber inglês (o mínimo). Então não é questão de cor e sim de qualificação.

19 Curtidas

Ai, ai iria me ater ao silêncio…
:zipper_mouth_face:
Mas só por quê não há o que se debater, simplesmente, o Nubank não errou coisíssima nenhuma, muito menos a Cristina, porém o efeito manada domina a opinião de muita gente que tem preguiça de pensar e apenas repete aquilo que outrem já pensou e determinou como parâmetro a ser seguido. Onde a intenção é apenas o estardalhaço para destruir a imagem, a reputação, ou tudo, empurrando a vítima para uma trincheira e quando ela consegue se organizar pra tentar o contra ataque, o estrago já está feito. Isso é uma tática de guerra e acho que
talvez a Cristina tenha ido pra essa guerra levando canivetes, ao invés fuzis!

6 Curtidas

Vou falar minha opinião sobre o assunto, agora que fui pesquisar o que estava acontecendo.

Eu concordo e discordo com as declarações feitas por todos até agora. Como assim? Vcs me perguntam.

Eu não acho que a declaração da cofundadora foi racista e nem que ela foi induzida ao erro pela apresentadora. Para mim a cofundadora simplesmente respondeu a pergunta da apresentadora. Uma empresa que cresce com grande velocidade e atende em vários países e que tenta manter o nível dos serviços pelo qual a empresa é reconhecia, tem que ter um processo seletivo rigoroso, isso é algo lógico, que acontesse em qualquer empresa. Infelizmente a população de pessoas negras no Brasil ser a população menos “qualificada” no mercado de trabalho, por conta dos diversos Impecilhos nas suas vidas é algo muito triste e totalmente indignante, mas esse fato não é de responsabilidade nenhuma da cofundadora, ou de qualquer empresa grande no mercado que queria atender seus clientes de maneira excelente, e que tenha seus critérios de seleção para fazer isso.

Outra pra mim a pergunta da entrevistadora foi totalmente sem nexo, um processo seletivo rigoroso de alguma instituição é motivo de exclusão, poxa nada a ver, se for assim o enem também é racista, por que eu quase que não consigo entrar em uma faculdade, mas ainda bem que consegui.

Eu apoio quem criticou a Nubank pq vcs estão certos, pessoas como o @Flamenguista e outras pessoas que falaram que a Nubank deu essa declaração para de safar dos ataques por que é a verdade e digo mais, a Nunbak se pronunciou com esse discursozinho politicamente correto apenas por que o assunto repercutiu, se não, nada mudaria nas políticas de inclusão da @Nubank. Agora vão criar várias “soluções” para acabar com esse problema, sendo que a MELHOR SOLUÇÃO pra isso era simplesmente ser uma empresa que incluísse as pessoas de fato, tanto clientes, quanto colaboradores.

Eu não vou cancelar a minha conta no nubank por esse ocorrido, eu me tornei cliente do nubank pela forma como ele simplifica a minha vida financeira, que no caso é a missão da empresa, a empresa ser “inclusiva” e diferente das outras instituições financeiras era algo legal de se ver no nubank e que agregação valor na instituição.

Se a empresa é racista ou não, isso eu não sei, até pq eu não vivo na pele das pessoas que regem essa empresa. Eu espero profundamente que a nubank se torne de FATO uma empresa inclusiva verdadeiramente (até pq é uma das coisas que ela vem reforçando em suas declarações sobre esse assunto).

Lembrando mais uma vez que essa é a minha opinião. Obg

3 Curtidas

Garotão esperto kkkkk

Não entendi a impropriedade. Onde está o objeto de erro? Na frase em negrito?

Triste tudo isso.
Aquela foto postada pelo Flamenguista me deixou sem argumentos…

2 Curtidas

Não vi que vocês do Nubank erraram! O povo “sem noção” pegou a frase da co-fundadora, tiraram de contexto, porém, esqueceram que o Nubank fez programas de apoio, inclusão e capacitação…

3 Curtidas

Eu acho todo essa polêmica desnecessária! Eu assisti a entrevista completa e a Cristina não falou por mal, ela simplesmente quis dizer que no Nubank eles priorizam as “qualificações” de cada candidato ué! E qual o problema nisso? Se eu tivesse uma empresa eu também gostaria de contratar pessoas “bem qualificadas” independente de cor, religião, sexo, raça… ela prioriza as qualificações. Foi isso que eu entendi da fala dela. Quando ela falou que não dá pra “nivelar por baixo” eu entendi que ela quis dizer que não dá pra pegar os piores currículos e priorizar eles! Independente de cor, gente!!! E digo mais: tem gente grande com muita raiva do sucesso que o Nubank vem fazendo! Os “bancões” tão p da vida com os números do Nubank que só crescem a cada dia, enquanto os deles só desce.

12 Curtidas

Bom dia, @iagosantos

A companhia se posiciona corretamente sobre ter errado, não por admitir ou não uma fala racista.

Se trata de algo muito maior: Se reconhecer como uma empresa realmente comprometida com a diversidade e combate à discriminação.

Você pode achar que não, mas isso não acaba só dizedo que ela não foi racista. Mas concluindo de fato a inclusão de negros nos níveis mais altos da empresa (sim… É uma tarefa árdua e gigantesca)

A melhor contribuição que você e todos nós podemos fazer é apoiar na mudança. E em momento algum se apegar a atacar ou defender uma fala infeliz.

Não estou brigando com ninguém. Falo com a real intenção de conscientizar.

Abraço e uma ótima semana.

7 Curtidas