Imprevistos

Oq acontece quando alguém bate as botas e deixa dinheiro na conta​:thinking::thinking::thinking::thinking::thinking::thinking:

2 Curtidas

O informe do falecimento à entidade bancária deve partir da família, já que o banco não tem a iniciativa de informar aos herdeiros sobre a existência de uma conta bancária. A consulta dos valores existentes na conta deverá ser solicitada por um dos herdeiros com um documento que comprove a sua situação. :wink:

9 Curtidas

E se a pessoa não tiver família?? Kk

Vai para herdeiros colaterais (irmão, sobrinho, tio, primo, tio-avô, sobrinho-neto). E se mesmo assim não tiver ninguém mesmo, a herança será destinada ao Estado e passará por procedimento específico até que se verifique que, efetivamente, não há herdeiro possível. Não fica com o banco, tá? :relaxed:

7 Curtidas

Mas vc disse q cabe à família comunicar o óbito ao banco, e q o banco não comunica a familiares q tal pessoa possuía uma conta.
Então posso presumir , q não havendo reclamantes , e o banco não tomando iniciativa de avisar os familiares sobre a existência de certa conta, então o dinheiro ficaria com o banco​:rofl::rofl::rofl:

1 Curtida

Negativo @Gustavo_Henrique_Por. Quando alguém falece, a própria Receita Federal procede a baixa do CPF automaticamente após a emissão do atestado de óbito, assim, o banco providencia o bloqueio automático da conta bancária.

8 Curtidas

@Julian_Lopes, sempre tive essa curiosidade e nunca debati com nenhum advogado ou alguém que entenda. No caso de falecimento do pai o qual os únicos herdeiros são os filhos, esses podem se dirigir ao banco onde o falecido tinha conta e apresentar a certidão de óbito e só então sacar o dinheiro, é assim que se procede?

2 Curtidas

A consulta/retirada dos valores existentes na conta bancária deverá ser solicitada por um dos herdeiros, com um documento que comprove a sua situação, bem como o inventário. O banco pode se recusar a mostrar o extrato bancário a qualquer pessoa que não esteja citada no inventário, devido à lei de sigilo bancário. Mais ou menos isso!

4 Curtidas

É, ainda tem o inventário que muita gente nem se liga em fazer, eu por exemplo sou um dos que nunca me liguei nisso.

1 Curtida

Gostei deste assunto, a gente não pensa muito nisto, mas é extremamente importe, como a questão do inventario ou então o ente deixar um testamento como que precede com um banco digital, onde algum familiar pode por exemplo movimentar a conta antes da baixa pela Receita e não respeitar as partes dos herdeiros

4 Curtidas

Então na ausência de um inventário e herdeiros o governo pega o dinheiro :thinking::thinking::thinking:

Em outras palavras 95% dos jovens falecidos q possuíam contas em bancos fizeram doações involuntárias ao governo :rofl::rofl::rofl::rofl:

Gostei do título: Imprevisto.

Morreu, puta de um imprevisto - tinha futebol marcado pra sábado e largou o time na mão :laughing:

2 Curtidas

Gostei do título! Deveras imprevisto. :smiley:

E existe um imprevisto maior q esse ?? Kk

Se eu tivesse falecido com 18 anos o banco tinha era levado prejuízo :sweat_smile:

Puts, ficamos sem zagueiro. Que vacilão :rofl:

3 Curtidas