NuLIBRAS: nossa nova playlist de acessibilidade!

Falar sobre a independência financeira sempre foi o principal objetivo do Nu. Pensa comigo: um aplicativo que te permite cuidar do seu dinheiro, bem na palma da sua mão? Liberdade financeira. Falar sem asterisco, direto ao ponto e daquele jeito fácil que só o roxinho consegue? Liberdade financeira. Uma comunidade, cheia de gente incrível, pra te acompanhar nessa jornada? Liberdade financeira!

Mas ao mesmo tempo surge a pergunta “liberdade financeira pra quem?” e é com isso que a gente começa a perceber que não tem como falar de liberdade, sem falar em acessibilidade. Foi nesse ponto que começamos a olhar para toda nossa comunicação e processos, sempre pensando nessa perguntinha e buscando olhar sob uma ótica de inclusão para tudo o que fazemos, a fim de tornar os nossos caminhos disponíveis para todo e qualquer tipo de pessoa. No Nu também temos espaço para pessoas com deficiência e liberdade financeira também é pra elas!

E com isso, hoje divulgamos uma nova playlist no nosso canal do YouTube, dessa vez, com uma comunicação em LIBRAS, a Linguagem Brasileira de Sinais. Nossa missão para esse momento é de também sermos inclusivos e acessíveis aos nossos fanáticos pelo Nu que possuem deficiência auditiva! Por isso, já deixamos alguns vídeos bacanas por lá explicando quem somos nós, também tem vídeo com infos incríveis sobre a conta e sobre o PIX e até dicas para identificar quando é algo verdadeiramente nosso e quando é golpe!

Particularmente, eu, como um Nubanker e deficiente auditivo, estou emocionadíssimo em trazer de primeira mão essa novidade. O rosto até dói de tanto sorrir! Esse é o nosso momento!

Falar em acessibilidade é muito mais do que uma rampa de acesso: é também entender que existem pessoas diferentes do padrão e, por isso, pensarmos em meios, ferramentas, processos, enfim, darmos um jeitinho, pra fazer com que todo mundo consiga participar da mesma dança! É dar espaço e autonomia e liberdade. A gente sabe que tem muito caminho pela frente, mas hoje é um dia (dos muitos que ainda vão vir) que já podemos responder a perguntinha lá do começo com: liberdade financeira para as pessoas com deficiência! :purple_heart:

Agora, com tanta novidade bacana e inclusiva, me conta: você tem alguma experiência de acessibilidade pra compartilhar com a gente? Diz aí, que tô curioso pra saber! :blush:

38 Likes

Top demais, @MarceloR. Informações precisas pra aquela ajuda eficaz para quem tem alguma deficiência em fala ou audição. Nubank inovando e mostrando serviços sempre pra todo seu público! :purple_heart::heavy_check_mark::sunglasses:

4 Likes

Eu comecei a trabalhar, em 2018, se não me falha a memória como Auxiliar Acadêmico em uma Faculdade aqui da Cidade, e nessa Faculdade havia o Curso de Letras Libras (Para ambos), e como fazia o atendimento, precisei me adaptar e aprender a LBS, mas a melhor experiência que eu guardo disso, é do batizmo com o Sinal. :purple_heart:

7 Likes

Infelizmente, a maioria dos lugares tem somente esse pensamento.
Quando fui num restaurante q tinha o cardápio em braile eu fiquei tão surpresa q na hr eu me liguei em como q nunca tinha reparado como q uma coisa tão básica não era acessível, assim como tbm teve um tópico aqui na comunidade dando sugestão do cartão ser em braile.

8 Likes

Ótima notícia!
Favoritando agorinha mesmo esse tópico, pra servir como base de ajuda rápida aos vários PCD’s auditivos que sempre aparecem por aqui.
:clap::clap::clap:

7 Likes

Achei que o link ficou meio perdido no texto.

Segue a playlist anexada:

  • image Nesse botão você consegue ver os outros vídeos da playlist.

7 Likes

Gostei muito da iniciativa mas acho que o Nubank pode ir além.

Sugiro a utilização da alguma ferramenta de tradução para libras (como VLibras ou Hand Talk) no site oficial do Nubank, inclusive blog e aqui na comunidade.

Alguns dados importantes:

  • 9,7 milhões de pessoas:
    Possuem deficiência auditiva no Brasil (Censo 2010).

  • 80% dos surdos no mundo:
    São analfabetos ou semi-alfabetizados nas línguas escritas e dependem das Línguas de Sinais (WFD 2003).

  • Apenas 1% dos sites:
    É considerado acessível no Brasil atualmente.

  • E o resultado é…
    Uma barreira de comunicação enorme entre as empresas e milhões de surdos que querem consumir online.

Fonte: Hand Talk

Grandes empresas/órgãos já usam em seus sites, como o Governo Federal (Governo Federal), Legislativo (Senado), Judiciário (TJSP), Educação (UFRJ), Prefeituras (São Paulo), Planos de Saúde (Unimed), Telefonia (Vivo), Aviação (Azul), Tecnologia (Samsung), etc. Observe que, ao entrar nos sites, aparece o botão de tradução para libras no lado direito (image).

Essa ação pode impactar cerca de 10 milhões de pessoas com algum grau de deficiência auditiva (fonte). Essa população é maior do que a população de muitos países.

Para quem se interessou, essas ferramentas também estão disponíveis para aplicativo de celular, extensão de navegadores e programa de computador. Os sites dos projetos são vlibras.gov.br e handtalk.me/br.

8 Likes

Fiz uma especialização em Educação Inclusiva. Infelizmente, devido às nuances da pandemia, não consegui finalizar.
Mas, foi muito enriquecedor!
E participo de um Núcleo de Apoio às Pessoas com Necessidades Específicas na instituição em que eu trabalho.
Já fiz curso de extensão básico em Libras. Foi um curso online. Espero ainda ter oportunidade de fazer cursos presenciais em Libras, básico, intermediário e avançado.
Acredito que Libras deveria ser parte da Base Nacional Curricular Comum. Realmente, não entendo como tem Inglês como disciplina em todas as escolas do Brasil e não tem Libras que é uma língua oficial brasileira.
Que um dia avancemos nesse sentido!

5 Likes

Incrível mesmo, né Caique?! Um dos grandes pilares do Nubank sempre foi a comunicação, então, fazia super sentido que esse fosse um dos principais pontos a nos tornarmos acessíveis, né? :purple_heart: Fico super feliz que tenha gostado dessa novidade!

5 Likes

IN-CRÍ-VEL! Que bacana saber que muitas faculdades oferecem a LIBRAS como ensino, né Felipe? Pra você que tinha que fazer atendimento e lidar com público, deve ter sido uma oportunidade e tanto! Adorei saber que tá incluso nessa comunicação acessível também! :purple_heart:

4 Likes

Pois é, Lo! São pequenos detalhes, mas que pode impactar de uma maneira muito significativa na vida de alguém, né? Oferecer meios pra que uma pessoa PWD consiga ser autônoma e independente (como escolher uma comida, lendo o cardápio em braile, sem precisar que alguém leia as opções, por exemplo) é justamente o que traduz a acessibilidade! Adorei esse exemplo e já sou fã desse restaurante! :purple_heart:

4 Likes

Isso aí, Mister! Notícia boa é notícia compartilhada, né? Sempre que ver a oportunidade, conta sobre nossa playlist em LIBRAS, sim! :wink:

2 Likes

Uau, grandes números, hein?! Aliás, mais que números: pessoas! Quase dez milhões de pessoas são deficientes auditivos (isso lá em 2010, imagine o quanto esse número cresceu de lá pra cá). Realmente, isso só mostra que o caminho pra acessibilidade é bem grandão. Mas em um passo de cada vez chegamos lá, né? Gostei muito das suas ideias, Cruz! :blush:

7 Likes

Andrezza, quantas coisas! Que bacana saber que você está engajadíssima nessa. Oportunidades como essa só tendem a agregar em nossas vidas, né? E concordo muito com você: seria tão bacana se a questão de acessibilidade fosse algo normalizado desde o primeiro grau escolar, né? Acredito que essa é uma causa que ainda precisamos desenvolver mais. De todo modo, adorei saber que aproveitasse todas as oportunidades que esteve ao seu alcance para tornar o mundo mais acessível! :purple_heart:

7 Likes

Sim. Sempre que posso, busco capacitação e ação também.

Já estou inscrita no ENIERPT, evento gratuito sobre inclusão que vai acontecer em setembro.

3 Likes

Ótima iniciativa!! Eu tenho uma experiência legal: trabalho com desenvolvimento de softwares e aqui estamos sempre preocupados com a acessibilidade, então temos colegas com deficiência visual em vários níveis que nos ajudam a testar se as aplicações estão acessíveis a todos. Trazer isso para o nosso dia-a-dia muda muito a forma como vemos o mundo - e nos torna pessoas melhores.

Parabéns pela playlist! :smiling_face_with_three_hearts: :heart_eyes:

3 Likes