Golpe pelo boleto

Descobrir q sofrir um golpe pelo aplicativo do nubank, procurando os boletos em meu cpf. Agora preciso enviar os boletos para minha advogada e nao consigo, pq nao tem essa opção.

Olá, @Grazielle_Menezes, seja bem-vinda à nossa Comunidade!

Você chegou a pagar os boletos? Ou só identificou que foram emitidos boletos no seu CPF que você não reconhece?

A minha dica seria identificar o banco emissor do boleto, acessar o site do emissor e gerar a segunda via.

Vou colar aqui abaixo o artigo da ajuda do app relacionado a esse assunto, espero que ajude :crossed_fingers:

19 curtidas

@FernandoLacerda essa informação foi útil até p/ mim. Obrigada!

9 curtidas

Não ficou mto claro se vc pagou boletos e era golpe, ou se foram emitidos boletos no seu nome q vc identificou por causa do buscador de boletos do app (q é somente uma função de consulta do q foi emitido e não uma forma de emissão do boleto em si)

Caso seja a segunda opção, o melhor a se fazer é oq o @FernandoLacerda indicou e verificar com os emissores do boleto em questão. Agora caso tenha sido a primeira opção, vc deve entrar em contato com o atendimento para verificar como proceder

17 curtidas

Pois é. Hoje em dia todo boleto tem que ser registrado, emitido contra um CPF ou CNPJ. E isto acaba sendo usado não só por golpistas, mas por empresas antiéticas. No meu CNPJ, vez ou outra aparece um boleto de “Consultoria em Informações Jurídicas” ou algo assim, emitido a título de “boleto proposta” por uns picaretas que vendem o serviço. Da mesma forma, tem entidades que emitem para doação, etc.

Vale a recomendação: sempre conferir e ter certeza do que se está pagando. O registro do boleto também traz claramente o beneficiário. Em caso de dúvidas, não pague e questione. Não é porque existe um boleto que você deve algo para alguém.

5 curtidas

O banco emissor pode ser responsabilizado, já tentaram aplicar esse golpe com a gente aqui em casa na conta da Claro, recebemos por e-mail um boleto falso com todos os dados da assinatura, incluindo código de cliente, valor mensal exatamente igual com centavos, provavelmente algum funcionário da empresa passou esses dados.

O boleto foi emitido pelo Bradesco e por reclamação via Banco Central eles entraram em contato se oferecendo a ressarcir. Mas acabou nao sendo necessário pois fizemos a reclamação mais para denunciar o correntista e não pagamos.

6 curtidas

Usaram o CNPJ da firma q trabalho e emitiram um monte de boletos, tive q cancelar a minha conta nem a firma sabe como ta sendo emitido esses boletos usando o CNPJ deles
Espero q os boletos nao sejam cobrados depois do vencimento,nao sou loko de pagar

O problema e se a empresa nao faz ideia de como o CNPJ dela esta sendo usado pra emitir esses boletos,sem a autorização ou q eles tenham feito isso. Estava sendo emitido boletos no meu CPF usando CNPJ da construtora q trabalho,pra solicitar esses boletos de cobrança. E como a nubank vai resolver isso, nem o beneficiário q emitiu o boleto,nao tem ideia como o CNPJ da empresa ta sendo usando sem ele saber como. E ai nubank?

Bom dia,

Antes, gostaria de explicar que isso é mais fácil do que parece.

O CPF assim como o CNPJ hoje não é algo tão privado igual antigamente. Por exemplo, uma nota de supermercado que tem lá seu CPF, alguém viu ou você passou o CPF pra alguém fazer um Pix pra você…

Enfim, existe muitas maneiras de encontrar o CPF, assim como CNPJ que se procurar o nome da construtora na internet tem lá.


Dito isso, os canais de atendimento será onde você vai entender essa situação, analisar com o atendente presente o que pode ter acontecido.

Por aqui todos somos clientes, então não têm muito o que podemos fazer por você, a não ser recomendar procurar o chat de atendimento.

3 curtidas

Importante identificar quem foi o banco emissor desses boletos e contatá-lo relatando o caso. Pode ser uma conta falsa da empresa.

Se for uma conta real, daí o problema está na empresa. Alguém com acesso pode estar fazendo bobagem, ou pode ter sido vítima também.

Cancelar a conta não impede que alguém emita um boleto atrelado ao seu CPF.

Enfim, se a cobrança for falsa, basta não pagar e denunciar ao banco emissor. Para descobrir o emissor você pode pedir auxílio ao atendimento do Nubank.

5 curtidas